BLOGS DO PORTAL TERRAS POTIGUARES NEWS

terça-feira, 21 de abril de 2015

MONSENHOR JOSÉ ALVES FERREIRA LANDIM


Natural de Pão de Açúcar-AL, filho do Dr. Vicente Leirias Ferreira Landim e de Maria Cavalcante Landim.
     Estudou no Seminário de Olinda em Pernambuco. Como sacerdote, em 1910, exerceu as seguintes funções: coadjutor do padre Vitorino de Souza Mendes Paiva, vigário do Brejo da Madre de Deus, vigário do Amaragi, professor do Colégio Diocesano em Olinda, secretário de Bispado de Floresta, coadjutor da Boa Vista do Recife e vigário de Morobó
     Em companhia de Dom José Pereira Alves, veio para Natal. Foi vigário da paróquia de Nossa Senhora da Apresentação durante 25 anos. Dirigiu a Paróquia de Santa Terezinha e foi capelão do Colégio da Imaculada Norte-riograndense e no Ginásio Municipal de Natal. Como escritor escreveu os seguites livros:
 - FLORES DO CAMPO;
- TRILHO;
- LEVITA E SACERDOTE
- BIOGRAFIA DO PADRE JOÃO MARIA;
- LEI DE CAIM;
- PADRE LANDIM;
- SOB A POESIA DOS CAMINHOS;
- PERENE ARREBOL;
- MINHA FAMÍLIA
Primeiro presidente da extinta Academia Potiguar de Letras, criada em  2 de setembro de 1956.

Faleceu em Natal em 9 de julho de 1968
FONTE – LIVRO PATRONOS DA EDUCAÇÃO MUNICIPAL – RESGATE E PRESERVAÇÃO DA MEMÓRIA, DE FRANCISCA FREIRE DA COSTA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem sou eu

Minha foto
É PRECISO SABER USAR DA LIBERDADE. COM ELA CENSURAMOS OU APLAUDIMOS O QUE DEVE SER CENSURADO E O QUE DEVE SER APLAUDIDO. MAS NÃO PODEMOS ABUSAR DESSE PRIVILÉGIO PARA ASSUMIR ATITUDE QUE NÃO CONDIZEM COM A CIVILIDADE OU COM A DECÊNCIA. VERIFICAMOS QUE A IMENSA MAIORIA DOS ÓRGÃOS DE COMUNICAÇÃO PERTENCEM A GRUPOS POLÍTICOS, DAÍ AS "INFORMAÇÕES" NA MAIORIA, NÃO POLÍTICAS E SIM, POLITIQUEIRAS, OU SEJA, UM GRUPO QUERENDO DERROTAR O OUTRO. É UMA VERGONHA! QUEM ESTÁ NA SITUAÇÃO, O POLÍTICO PODE SER O PIOR DO MUNDO, MAS PARA EMPREGADO ELE É O DEUS DA TERRA; NO LADO DA OPOSIÇÃO, O RADIALISTA OU JORNALISTA PASSA PARA A POPULAÇÃO QUE O GOVERNO NÃO FAZ NADA, PORÉM, NO INSTANTE QUE O PODER EXECUTIVO PASSA A INVESTIR NO TAL MEIO DE COMUNICAÇÃO, ATRAVÉS DE PROPOGANDA OU DAR UM CARGO COMISSIONADO AO DONO, AÍ, LOGO JORNAL, A EMISSORA E A TELEVISÃO MUDA O DISCURSO. DAÍ, COMO FICA O COMUNICADOR QUE ANTES FALAVA MAL DE TAL POLÍTICO, TER QUE PASSAR A ELOGIÁ-LO!!!